sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Fica comigo onde o sonho é pesadelo.

Eu considerei tudo uma declaração de amor. Desde o momento de assinar os papeis até dividir o chocolate. Só pode ser mesmo o infalível amor. Inclusive, o mais fiel, o da amizade.
Eramos eu e você e, mesmo que nada nos levasse a um relacionamento com sexualidade estaremos muito próximos nos aturando e chorando feito idiotas, porque o somos e, mesmo assim, nos amamos.
Eu te deixei estar aqui, onde sempre quis que ninguém me visse. Aqui! Exatamente aqui onde meu sonho parece que não vai se realizar, onde eu choro por dentro toda vez que entro, onde eu finjo ser extremamente forte e, agora, sem pensar muito, finjo também por você que precisa de apoio tanto quanto eu. 

Nenhum comentário: